terça-feira, 5 de agosto de 2008

Everybody Lies

Ohhhh God, começou tudo outra vez, não quero!


Não, não estou louca, apenas entrando novamente na TPT, ou seja, Tensão pré TCC.
Só mais quatro meses... rezem!



Crédito: http://www.chongas.net/chongas/











Vamos ao que interessa:












Hugh Laurie, sim senhoras e senhores... esse aí em cima é ele.
Ele interpreta o fodão Dr. House, uma das séries que eu mais gosto.

House é uma série de investigação onde o vilão é a doença e o herói é um médico polêmico, irreverente e anti-social que não confia em ninguém, muito menos em seus pacientes. Dr. House (Hugh Laurie) formou uma excelente equipe de três médicos, escolhendo apenas os melhores, de acordo com seus critérios pessoais e duvidosos, para diagnosticar doenças em casos misteriosos e já desacreditados. Somente pacientes em estado crítico são examinados por esse time, sempre disposto a descobrir a causa dos males para salvar vidas, seja através das vias legais ou fazendo uso de métodos pouco tradicionais. A série tem a direção de Bryan Singer, que, entre outros filmes, dirigiu o sucesso de bilheteria X-Men, e mais recentemente X-Men 2.
Durante as últimas três temporadas, House conduziu um time de elite composto por jovens, mas experientes médicos que o ajudaram a solucionar os mistérios dos diagnósticos. Além disso, ele tem um bom amigo, confidente e especialista em oncologia, o Dr. James Wilson (Robert Sean Leonard). Há uma química inconstante entre House e a Dra. Lisa Cuddy (Lisa Edelstein), a Reitora de Medicina e administradora do hospital; os dois estão sempre em conflito sobre os deveres do médico e seu comportamento nada convencional. Mas, ainda assim, ela é forçada a admitir que o seu brilhantismo vale todo o trabalho que House causa.
No final da 3ª temporada, House foi confrontado com uma série de mudanças significativas em sua equipe. O Neurologista Dr. Eric Foreman (Omar Epps) saiu do hospital Princeton Plainsboro porque não queria se transformar em um novo House; o rabugento médico demitiu arbitrariamente o Dr. Robert Chase, alegando que, nos últimos três anos, ele já aprendera tudo o que poderia aprender, ou então não aprendeu absolutamente nada; e pra completar, a imunologista Dra. Allison Cameron (Jennifer Morrison) se demitiu, sabendo que House não ligaria para a sua decisão.
Na 4ª temporada, House está sem uma equipe para ajudá-lo a resolver os complexos casos médicos dos seus pacientes, e Cuddy e Wilson estão determinados a fazê-lo contratar novos médicos. Depois de 40 candidatos se inscreverem para tentar conseguir a vaga, apenas cinco médicos – interpretados por Olivia Wilde, Kal Penn, Peter Jacobson, Anne Dudek e Edi Gathegi – são os finalistas.


Fonte: http://globosat.globo.com/Universalchannel/


Pois é, esse é O cara.
Mas para ele ser tão bom assim, ele não podia ser normal. Será que todas as pessoas inteligentes são assim?

Tem uma frase que ele repete muito durante o seriado:

Everybody Lies. It's a basic truth of the human condition that everybody lies. The only variable is about what.

Lá vem eu: Sim, eu acho que essa frase é verdade. Todo mundo mente, inclusive eu. Seja aquela mentirinha social, ou algo que se tenha vergonha... Everybody Lies. faz realmente parte do ser-humano. Só precisa prestar atenção para quem e sobre o que se mente.

2 comentários:

Thais disse...

Vc comenta lá, eu comento aqui.
Pois é, começou tudo de novo...que Deus nos ajude....


Como eu coloquei no nick hj, sem querer: Ask me no questions, I would tell you no lies....heheeh
Será que eu leio mto HP???

Francisco Ditano disse...

Does everybody lie?

Tb acho que sim! Mas cá entre nós... Uma mentirinha nos salva de muitas coisas, né?

Só não pode mentir pra mim... Senão outra crise EMO pode apontar no horizonte... hahahaha


SUPER BEIJOS!

Search this Blog